14.3.09

staring at the sea [with no gun in my hand]


hoje, ainda que carregada de trabalho e reuniões, estarei muito sossegada a observar o mar perdida em pensamentos. felizmente, ainda que em silêncio, não estarei sozinha. obrigada.

3 comentários:

ana... disse...

nesse caso, o animal que há em mim sente-se só!

Lou Camille (na vida real Sílvia A.) disse...

:) que bom.....

franksy! disse...

ana, eu quero ser o panda que se enrosca nos teus pés para que não te sintas sozinha!

Lou, foi algo asfixiante, mas pelo menos estava bem acompanhada!