28.9.06

11 comentários:

Lou Camille aka Sílvia A. disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
franksy! disse...

sim!
fiquei agradavelmente surpreendida com os textos russel edson!

Lou Camille aka Sílvia A. disse...

Grandes textos!! [rectifico]

Lou Camille aka Sílvia A. disse...

para mim "as crianças" é o melhor como texto! depois as encenações farão o resto!

franksy! disse...

no caso, "os que rastejam" está, na minha opinião, muito melhor!

Lou Camille aka Sílvia A. disse...

Soup Song

How I make my soup: I draw water from a tap . . .

I am not an artist. And the water is not so much
drawn as allowed to fall, and to capture itself in a pot.

Perhaps not so much captured, as allowed to gather
itself from its stream; the way it falls that the drain
would have it.

But in this case a normal path interrupted by a pot;
for which soup is the outcome of all I do . . .

Russell Edson

franksy! disse...

obrigada!

franksy! disse...

retiro o que disse, foi fruto do cansaço!

«as crianças» é muito bom! mesmo a fantástica encenação de «os que rastejam» não ultrapassa a riqueza do primeiro texto!

Lou Camille aka Sílvia A. disse...

;)

mary disse...

ainda vais ser uma estrela!

franksy! disse...

basta-me estar perto delas!*