31.1.07

referendo

Poderia falar de direitos, deveres, discriminação, humilhação, liberdade, saúde, condições humanas, opções, educação, planeamento, política, estratégias, hipocrisia e muitas outras coisas. Mas antes mesmo de chegar a esse ponto basta-me dizer, votar não significa impor à sociedade a minha opinião, votar sim permite que cada um opte livre e conscientemente por si.

4 comentários:

Miss Lee disse...

a sociedade não me deixa optar. aliás nem me deixa votar... e depois não querem que uma gaja seja revoltada...

Lou Camille aka Sílvia A. disse...

para continuar a poder "votar" eu voto sim!

Mister B. disse...

Sinceramente, quanto mais ouço os partidários do não, mais vontade tenho de votar um enorme SIM ...

franksy! disse...

pensei que pudesses votar na embaixada, lee...

bons votos, lou!

mister b., tenho sérias dificuldades em ser imparcial, mas os argumentos dos partidários do não têm-me efectivamente causado aversões viscerais!