26.9.07

de lagos, nem D. Rodrigos nem imigrantes ilegais!



da minha querida ana sempre atenta!

4 comentários:

ana disse...

desde que descobri através do YouTube que a minha família participou no Família Superstar e pelo Jornal da Noite que o meu primo vai novamente seis meses para o Kosovo... ou que a Elsa Raposo quer que a Maddie reencarne no bebé dela... [vais-me dizer que nunca desfolhaste as revistas cor de rosa na fila do supermercado?!?!] tornei-me numa pessoa ainda mais preocupada em me manter a par da actualidade.

d. rodrigos........
eu sei… eu sei… eu sei… mas eu faço lasanhas de atum, para meninas que não comem carne, em compensação de tal facto. além disso algo me diz que lá para os fins de Outubro há pratinhas coloridas em Coimbra para dar e vender. e serão tantos que, se tiveres a tua consciência ecológica ao rubro, usas as pratinhas para fazer as bolas para a árvore de natal da casa nova!

franksy! disse...

Ana… que mo digas, ainda é uma coisa, mas que andes aqui a contar na Internet para quem quiser ler e ver que tens familiares a concorrer ao Família Superstar não abona nada em teu favor!!! Depois não queres ser expulsa…
Quanto ao teu primo ainda não sabia. Mas ele é esperto! Em vez de gastar dinheiro a avisar as pessoas, deixa que elas saibam através do telejornal! [fica económico]
Espero que ele não seja casado. Ir ao Kosovo é monetariamente [muito] recompensante!!! e como nas caixas do pingo doce não há revistas cor-de-rosa, mesmo que eu quisesse, não poderia desfolhar… mas já tinha visto esta afirmação da D. Elsa Raposo – se não me engano – na kitschnet da Miss Pimpinela!
Mas acho que fazes muito bem em andar a par da actualidade! Mas é por isso que te tenho! Por uma menina super actualizada a todos os níveis!

quanto a d. rodrigos... agora já só ver para crer!!! mas sem dúvida que aquela lasanha de atum compensou! da próxima fazemos lasanha de mia ou de zé! ;)

e outra coisa, agora que tenho duas sobrinhinhas e vou ter uma casa nova, este natal monto uma árvore do tamanho da de nova iorque!!!
[ou pelo menos do tamanho da da praça 8 de maio! pronto... este ano vou montar árvore de natal!]

ana disse...

eu não me importo... eu podia inventar histórias para parecer cool, mas gosto mais de contar podres. é que depois do jantar eu, papai, mamãe e os manos todos a ver semelhante coisa no you tube foi motivo de festa e gozo durante duas semanas... é como se nós tivéssemos as nossas elsas raposo particulares. é muito bom!

mantenho-me actualizada para se um dia decidires ir a um desses programas com ajudas telefónicas... ligas para mim.

pronto! ok! o meu pingo doce (o meu pingo doce é mais foleiro que o vosso, mas já tem o sublime gelado de coco da maria) realmente também não tem revistas nas caixas. apanhaste-me! eu vou lá de propósito! eu não sou betinhaurbanopseudointelectual, eu sou saloiaprovincianacomgostopelavidaalheia! às vezes enquanto espero a fornada do pão quente entretenho-me a ver essas coisas (mas às quintas trago a visão). eu vou, eventualmente, um dia ser enfermeira, eu preciso quase tanto deste conhecimento como de farmacologia ou de estatística inferencial... eu não sou doente, mas acho que tenho um fascínio com este tipo de grotesco.

oh minha amiga já tive a pensar... eu no teu fogão e no teu forno novo vou ser uma mulher feliz! e aquelas bancadas amplas que até dá para eu estender massa... eu cozinho que for preciso... nada me mete medo.

ah!!! eu sabia que não ias resistir!!! eu todos os anos faço uma pequenina. é idiota, não faz sentido, mas eu gosto.
não precisa ser igual à de nova iorque, mas podes fazer aquelas grinaldas de pipocas que eles fazem... não sei é se tu aguentas...

franksy! disse...

Isso de inventar histórias para parecer cool, faz-me lembrar alguém…….. [casas nas minas da panasqueira e em kat mandu!]

Reitero, eu ADORO a tua família! Temos de lá ir passar um fim-de-semana porque eu já tenho saudades deles…

Se algum dia for ao ‘quem quer ser milionário?’ [e só lá vou se for com o Carlos Cruz como apresentador!] e chegar à altura de pedir ajuda lá de casa é para ti que eu ligo!

Eu confesso – e talvez até com alguma vergonha – que raramente vejo a imprensa cor-de-rosista… é algo que não me puxa… e frequentemente sinto-me ignorante perante situações do quotidiano por ter estas falhas culturais.
Mas eu não sou uma betinhaurbanopseudointelectual!!!! Sou antes uma saloiaprovincianacomgostoportudoemaisalgumacoisaequenãosemetenavidadeninguém!

Tens de parar de falar de tudo o que podemos e vamos fazer no meu lar, porque eu já não consigo dormir com a ansiedade…

- para além de tintas, pincéis, death cab for cutie, puxadores, rissóis caseiros [podemos espalhar a massa pelas amplas bancadas!], também iremos montar uma belíssima árvore de natal para aquele que será o primeiro natal da pequena Francisca!

Temos mesmo de parar com estas coisas… eu ainda me esfumo em ansiedade antes das mudanças…