21.1.08


Se pensar incomoda como andar à chuva, hoje é dia de pisar poças de água!

11 comentários:

jerónimo disse...

Já tens galochas, mas se precisares de alguém que te segure no chapéu de chuva...

franksy! disse...

és um amor!

Anónimo disse...

Eu ofereço-me na passagem do turno para continuar a segurar o chapéu de chuva..

Tinta no Bolso disse...

ok, prontos, sou o próximo a levar a tocha :-)
tás a ver nunca mais apanhas chuva

franksy! disse...

pessoa anónima, terias tempo de chegar a coimbra para a passagem do turno?!
e como saberia que eras tu?...

Tinta, às vezes faz bem apanhar chuva!

Anónimo disse...

Se eu levar o Fernado Girão, será que me reconheces?

Daniel MP disse...

Comprei-te um chapéu de chuva.
Já pertenceu a três pessoas sempre dentro da mesma família.
Era o chusso da sorte do Avô Grande enquanto jovem. Foi debaixo dele que assistiu à copiosa derrota da Académica às mãos do União, por 2-3, no Campo de Santa Cruz. Foi também a seu coberto que foi surripiado o primeiro beijo àquela que viria a ser a Avó Grande, entre uma ou outra desventura que deixaram a devida mossa (consta que também com ele foram varados uns "reaça" na devida altura).

Hoje, da lona, nem vestígios!

Quer-lo?

franksy! disse...

Pessoa anónima, com o Fernando Girão não teria qualquer dificuldade em reconhecer-te!
Mas se te der mais jeito, leva simplesmente uma arma de arremesso!
Obrigada. Por tudo!

Esses chapéus compram-se, Daniel?
Varetas de chuva parecem-me adequadas à situação!
Mas seria uma responsabilidade demasiada aceitar tal oferta...

Daniel MP disse...

O elo sacramental do objecto quebrou-se a partir do momento que me chegou às mãos.
Agora é só mais um testemunho, uma brasa de memória da vida de outros que eu vou mantendo acesa.

Não há qualquer responsabilidade em aceitá-lo.
Se o quiseres, ele está por detrás do vaso que habita o hall do 73.
Saibas tu que ele sabe o que é ver passar idades e chuvas e lamas.

nattyrebel disse...

haha gosto maningue do anonimo!! sorry about the invasion

franksy! disse...

Daniel, apanhei-o no hall do 73 e nunca imaginei que me conseguisse proteger tanto da água que caía ininterruptamente!
Obrigada!

Nattyrebel, eu também gosto muito do anónimo! ;)