28.11.11

Querido diário

Já submeti o meu trabalho. Com quatro minutos de atraso. Sinto-me cansada, mas sem sono. O Francisco Frederico chora como se compreendesse a crise. Como o benfica ontem ganhou, o Virgílio hoje não bateu na mãe. Eu estive com o Rui Zink e trouxe novamente aquela maravilhosa sensação de que posso ser alguém melhor.  Acabo de me aperceber que o fado sempre foi elevado a conselho património mundial e... I couldn't care less... [é grave?!  - o facto de não me importar e não o facto de me armar e usar a língua inglesa para me expressar].  Os dias passam e fica a sensação de que o tempo corre mais do que anda. Tenho tanto para fazer... e no entanto, passo dias inteiros a ocupar-me do que não me interessa para poder chegar onde quero. Raio de lógica...
Agora que já materializei para mim mesma - e para quem quer que possa aqui vir - o que me vai no pensamento, vou beber um copo de água e vou ler até o sono apanhar o ritmo do corpo.

2 comentários:

jerónimo disse...

Às vezes sinto o mesmo e poderia escrever algo praticamente igual. A única diferença é que acabaria em "vou beber um copo"...

franksy! the awesome wife disse...

e não era de água, pois não?! ;)*