21.12.11

fotografia

De repente, é como se não existisse.
Sem sequer ter ido a lado algum.

Existem apenas as memórias.
As memórias morrem com quem as tem.
Talvez até antes.

2 comentários:

naked sniper disse...

isso é o que a gente vai ver...

franksy! the awesome wife disse...

eu [não] tenho visto...