25.2.13

Crónicas de uma mal empregada #10

O meu chefe 1 e o meu chefe 2 são uns filhos da puta. Uns grandessíssimos filhos da puta.

6 comentários:

StrangerThanKindness disse...

Inspira... expira... inspira... expira...

Abraço.

franksy! disse...

Hiperventilei. Inspirei e expirei muitas vezes.

Foi só pôr os pézinhos no inferno que o circo do maquiavelismo começou… Já tinha começado…

Fico incrédula com a facilidade com que se manipulam informações para incriminar outras pessoas. E nós sentimo-nos tão reivindicativos, mas no fundo somos impotentes… o sistema está demasiado viciado e estas bestas controlam tudo…

O meu chefe 1 faz merda, oculta e manipula as provas que o incriminam e denuncia outra pessoa ao chefe 2, que, mesmo sem qualquer argumento, assume que essa pessoa é responsável. Insinua que essa pessoa fez o erro propositadamente [!!!!!!!!] e instaura-lhe um processo disciplinar…

A pessoa em causa tem 2 filhos menores e está em pânico porque acredita que vai ser despedida. Não vai! Disso tenho a certeza. Mas o medo é tanto que o raciocínio bloqueia.

Todo o dia a vi tremer… foi angustiante…

E a sensação de impotência perante esta injustiça quase que nos corrói…

E hoje foi ela, amanhã sou eu!

É muito difícil sobreviver quando se está na lista negra.

mariasardinha disse...

Ai filha!! Isso realmente é uma coisa que só... Palavra de honra se não era com os tais ucranianos em cima!!! Irra!

franksy! disse...

É o que toda a gente diz...
Pode não resolver muito, mas ajuda a aliviar! :D

mariasardinha disse...

[já fui à mãe de santo, mas pelos vistos ainda não fez efeito... deve ser da distância! diz que tens de vir tu ao banho de sal pró descarrego ;) ]

franksy! disse...

Ouro sobre azul! Ir até aí e livrar-me daqueles 2! :)