8.2.13

Crónicas de uma mal empregada #7

O meu chefe 2 proibiu-me de reciclar no meu local de trabalho.


Eu, visto que a entidade patronal não o faz, por iniciativa própria, consciência e civismo comecei a separar o lixo. Não é normal haver vidro, há algum plástico e IMENSO papel. Tinha apenas dois caixotes, um para papel, outro para plástico. Eu e a minha amiga IR éramos responsáveis por levar o conteúdo ao ecoponto [que fica a uns 100m do edifício onde trabalhamos…], quando os mesmos estivessem cheios. Os restantes colegas acabavam por também fazer a separação e ali reciclava-se tudo. 

Quando o chefe 2 percebeu que EU fazia reciclagem, mandou dizer que a partir daquele dia estava proibida de o fazer. O resultado é triste… O civismo e a consciência ainda não me podem controlar! Eu não consigo colocar no lixo comum um papel ou um plástico! A partir desse dia eu e a IR guardamos na carteira todo o lixo passível de ser reciclado e no final do dia de trabalho vamos até ao ecoponto depositá-lo. Os outros deixaram de reciclar…

4 comentários:

StrangerThanKindness disse...

Não sei se será o caso de os papéis poderem ter informações sensíveis/importantes/pessoais... mas até isso dá para contornar tendo o cuidado de salvaguardar esse tipo de elementos. Essa atitude é tão absurda. Quando estavam a distribuir bom senso essa pessoa deve ter ficado na fila da idiotice - a recolher doses extra.

franksy! disse...

Sim... os papeis podem ter informações sensíveis e importantes [90% das vezes não têm], mas entre serem colocados no contentor em frente ao prédio e andarem por lá no chão durante dias, ou irem para o papelão...

De qualquer forma, eu e a minha amiga IR expressámos [entre muitas coisas] a inteligência de ter um triturador de papel!

Compraram um, mas só algumas pessoas o podem usar [e não usam]...

Também propusemos que se oferecessem chávenas de louça aos empregados [que bebem café]. Era mais ecológico e a longo prazo poupar-se-ia muito mais dinheiro!

Mas isto são coisas que não lhes interessam...

Também propusemos - já que 90% dos funcionários não têm a consciência de usar um copo ou uma caneca para beber água e estragam diariamente 1 ou 2 copos de plástico - que fosse colocado um caixote só para o plástico junto das máquinas de água...

Mas isto são coisas que não lhes interessam...

Nós trabalhamos para pessoas muito inteligentes e muito superiores a nós!...

Ana 100 Sentidos disse...

Really?
Diz-me que aterrei noutro planeta por favor, porque eu não quero viver num mundo assim!

franksy! disse...

Really... É muito triste, mas vives/vivemos num mundo assim...