16.6.07

golpes vibrados

Por algum motivo, que talvez agora compreenda, quando me tento aproximar do Atum e ele, muito nervoso, só me agride – magoando mesmo – e arfa convulsivo, a minha reacção é tentar mimá-lo ao máximo e acalmá-lo! Abraço-o! Ele ama-me, eu sei! Mas às vezes, em momentos de stress, deve pensar que eu sou o inimigo… eu sou humana, não o posso censurar.

Ontem o Atum foi ferido... Durante sete horas esteve inerte, deitado na sua estrela. O seu olhar estava baço, o seu corpo ocioso... hoje parece um pouco melhor, mas... talvez o veterinário seja inevitável...

14 comentários:

Dream about me... disse...

é melhor é. mas isso também já aconteceu ao puss e depois passou. as melhoras para o atum e um beijinho para ti. fazes bem em lhe retribuir com amor :)

jorge disse...

mas o que é que aconteceu ao gato?

Lou Camille aka Sílvia A. disse...

Oh... eu também fico muito mal quando os meus estão mal... beijinhos em ti e no Atum...

Anónimo disse...

Oh...que foi que aconteceu ? Melhoras para o teu gatinho,

miau miau miau do

Kafka e do Elvis

Azul Neblina disse...

Ah! Daí o 53!

kat_Jam disse...

Se precisares de ajuda é só telefonar. Eu já passei muitas vezes por aflições do género. A Ana conhece uma veterinária fabulosa. Estamos em permanente stand-by. Dá-lhe, pelo menos, uma festinha por mim:)

angi disse...

a rita também é assim. e no fundo acho que eu também. acho que é quando está com a sua neura, provavelmente com alguma coisa que não lhe correu bem. alguma atitude minha que ela tenha entendido como invasão do espaço ou da vontade dela (;)), alguma coisa que lhe apetecia fazer e não pôde. alguma dor miudinha que eu não percebo que ela tem (acho que os gatos são os animais que se manifestam menos em relação às dores). então não quer proximidades. quer estar no seu cantinho. que lhe passe sem chatear ninguém. como não pode dizer "deixa-me estar que já me passa", desenha uns codigos brailles na pele que se aproxima... e eu tb sou assim (mais contida, mas tenho as palavras)


talvez esteja só dorido. os teus olhinhos de amor vêm bem, tenho a certeza, se ele precisa de mais do que de ti. 53 beijinhos para cada um (os dele quando ele parecer melhorzito)*

franksy! disse...

Oh Rita… nunca tinha acontecido ao Atum… foi um susto grande… ele hoje já brinca com os seus ovos kinder – o que é bom sinal! Retribuir com amor é o melhor a fazer-se quando ele existe! Beijo grande para ti e obrigada!

Sr. Nande, esse gato chama-se Atum!!! Vamos lá ver o respeito… esse gato ensinou-te tudo o que tu sabes!
Não sei ao certo o que aconteceu… mas ele foi num daqueles seus passeios fugidios ali ao quintal da vivenda de trás e, estava a conversar com a Maria quando ele entrou em casa! Estava estranho, mas levámos alguns minutos a perceber que tinha o focinhito cheio de sangue… provavelmente deparou-se com um gato de má índole… [e o facto de eu lhe cortas as unhas não o deve ter ajudado…]

Lou, fiquei mesmo mal… em quatro anos e meio nunca tinha acontecido nada do género…
Beijinhos meus e do Atum!

Levou - literalmente – no focinho… :(
Obrigada! Beijinhos ao Sr. Kafka e ao menino Elvis!

Azul, DAQUI o cinquenta e três! :)
Não queres tirar uma foto ao teu para me ofertar?!

Muito obrigada Catarina! Acho que vou querer saber quem é essa fabulosa veterinária que a Ana conhece! A do Atum é boa, mas… é para uma classe mais elevada… [e eu sou do povo… o Atum não é, mas eu sou…] Já lhe dei a tua festinha! Beijinhos!

Angi, eu sou exactamente como o Atum… isto é quase uma fábula sobre mim! [sob o pretexto da sua tragédia]. Às vezes eu sou completamente irracional, mas um abraço cura-me tudo…
Gostei ‘dos códigos Braille’ que a Rita te desenha na pele para se exprimir! Nunca tinha visto as coisas por esse prisma! :)

Ele hoje já está bem melhor! Estamos fartos de brincar com o seu rato favorito e ele está bastante eléctrico como é natural! Vou aguardar até amanhã! Mas talvez tenha só sido mesmo o susto…
Amanhã espero já lhe poder dar os teus beijos!
Obrigada pelos meus!
Cinquenta e três beijinhos de retorno!

dr disse...

Deixa lá, também os ajuda a aprender, quando nada de grave acontece.... Por solidariedade, a Mia também andou vesga durante um dia inteiro! Tudo porque a 'vaca malhada' [não fui eu que a apelidei] decidiu lançar-se em direcção ao joelho do João numa das suas investidas selváticas.... Correu-lhe mal!

Poderíamos dizer que se tratou de um erro de cálculo, mas no fundo acredito que tenha mesmo sido uma questão de solidariedade felina... Hoje já está de novo de olhos bem abertos, a reguila!!

beijos p o @1

ana disse...

oh! francisca isso não se faz! eu andava aqui numa aflição à espera de notícias...

eu por causa de situações menos felizes, conheço dois veterinários fantásticos! o dr. jorge é um fixe, até vem cá a casa vacinar a bicharada, mas como ele é muito ocupado e durante aqueles dias miseráveis andava em lisboa, descobri, nem sei como, a dra. ana, que é a ana (ela não gosta cá dessas coisas de prefixos académicos) tem a nossa idade, deu-me o telemóvel dela, vai a casa às horas que for preciso e leva a tralha toda atrás (montou um autentico consultório aqui em casa). ela levou o franz para casa dela, para o ter melhor debaixo de olho. ela ligava-me várias vezes ao dia, ela veio de propósito trazer-me as analises para eu ver (e como eu faço de conta que sei tudo de hemogramas) o estado em que ele realmente estava. e esteve três horas ao lado dele, só para que ele pudesse apanhar um bocadinho de sol estendido na relva de casa dela. ela trouxe o franz de volta cá casa para passar as ultimas horas na caminha dele e quando eu a chamei para ela o levar definitivamente, ela esperou uma hora e tal porque eu tive um ataque de histerismo e de choro e não conseguía deixa-lo ir embora e só queria ficar sozinha com ele. no fim acabamos as duas a chorar.
ela é de um humanismo e de uma competência exemplar.
como a conta foi enorme ela não me cobrou os procedimentos e medicamentos que podiam "escapar" aos chefes e olha que eu sou bem do povo!!! aliás ela nem me quis falar nisso, eu é que tive de ligar para a clínica.
pediu-me fotografias do franz, manda-me e-mails e se eu tenho alguma dúvida é só mandar um mail ou uma sms que ela responde logo a tudo.
ela é a veterinária "dos meus sonhos" e eu conheço mãos cheias deles... nem o dr. pedro (o veterinário do meu simão) é tão bom quanto ela!
deve ser mesmo só um susto... eu já fui tua vizinha e conheço bem esses gatos com maus fígados que andam por ai... o franz quando era pequenino também teve um encontro imediato de terceiro grau com gentalha felina sem coração dessa e ficou muito maltratado

depois temos de trocar umas impressões sobre o facto do conseguíres manter o teu atum tão branco. é que o meu zé anda sempre todo encardido... amarelado... e eu não sei o que lhe fazer

franksy! disse...

pois ajuda, Diane... Mas o Atum ficou com um pouquinho de orelha a menos... :(
Está extinguida a sua hipótese como modelo profissional...

A Mia é uma querida de uma solidária!!! [eu podia ser uma tia de cascais… falta-me muito pouco!]
Deixa-me adivinhar, quem lhe deu esse apelido à Mia foi o Sr. David Marinho???!!!
Beijos à Mia que não Atum do @1!

Ana, desculpa… se fosse realmente muitíssimo grave acho que eras a primeira pessoa a quem ligava!
Eu pessoalmente já estou apaixonada pela Ana! [as Anas têm qualquer coisa…] Ontem quando li isto fartei-me de chorar… [daí não ter respondido logo].
A Ana parece-me a Mary Poppins dos veterinários! Também a quero para o Atum!!! Para que clínica trabalha ela?! Tens que me dar o número…

Vou falar com o Atum para ver se ele me deixa divulgar o seu segredo de tanta branquidão!!!

Tu já viveste por aqui???????????? Porque deixaste de ser minha vizinha???? Isto é a melhor zona vizinhal do mundo!!! Volta!!!
Não podes voltar???

ana disse...

mas será que eu só te faço chorar?!?!? será que eu só sou boa a fazer as pessoas chorar?!?!?

a Ana é a minha heróia! a fada madrinha da gataria! ela trabalha para a clínica da solum, depois se quiseres dou-te o número dela.

pois é eu morava no prédio ao lado do vynil... era a loucura... morava com mais quatro marmanjos... era muita loucura!!!!!! sobretudo às 6 da manhã...
adorava voltar, mas para já não posso!

ana disse...

vinyl... era o que eu queria dizer...

franksy! disse...

não... tu só me fazes sorrir! especialmente cá dentro! numa das coisas que és boa é a fazer-me sentir abraçada mesmo se estiver sozinha!

Acho que vou querer o número dessa ana!

Acho que devias voltar para aqui!
No nosso prédio há vários apartamentos vagos! com variante de escritório ou varanda!